URBANIZAÇÃO EM FRAIÃO

O projecto do loteamento “Dona Antónia” insere-se numa operação de construção de infraestruturas públicas para criação de 46 lotes de terreno destinados à construção de habitações unifamiliares.
A área de intervenção, com cerca de oito hectares, é de encosta com declive acentuado, constituindo parte do embasamento ao monte dito “Frio”, em limite do perímetro urbano da cidade de Braga.

PONTOS FORTES:

– INTEGRAÇÃO:
a) Adaptação das infra-estruturas ao relevo existente.
– MATERIAIS:
a) forte limitação da energia incorporada dos materiais (énergie grise).
b) utilização de materiais locais (pedra de granito)e técnicas de aplicação adaptadas;
c) minimização da manutenção.
– GESTÃO DE ÁGUAS:
a) integração dos recurso hídricos existentes;
b) permeabilidade do solo, revestimentos em elementos dos arruamentos + zonas de infiltração;
c) manutenção e reforço do coberto vegetal.
– ECOSSISTEMA:
a) análise e reforço da biodiversidade.

1996 – Obra construída

Prémios:

2001 – Menção honrosa “A Pedra na Arquitectura”
2000-2002 – Seleccionado para “Habitar Portugal”
2004 – Projecto Finalista da “4ª Bienal de Arquitectura Ibero-americana”
2005 – Menção Especial do Júri “Soluções urbanas CSCAE”